"Nós Avisámos" - Portugal é o 3º Destino de Férias de Verão mais Escolhido do Ano

No artigo anterior a TOTE SER falou sobre a tendência do turismo de saúde, e como a prestação de Portugal face à pandemia iria traduzir-se num reconhecimento mundial de que efetivamente somos um destino seguro, altamente preparado e na moda. O que não poderíamos prever era que seríamos o 3º destino de férias de verão com maior número de reservas de hotéis. É verdade, de acordo com o jornal espanhol “El Mundo”, em parceria com a plataforma Travel Gate, Espanha é o país que lidera em termos de reservas de hotéis para o verão deste ano (33,7% do total de marcações feitas nos últimos dias para os próximos meses), sendo que os EUA ocupam o 2º lugar (31.5%) e por fim Portugal (9.8%).

Lisboa

Fotografia por Louis Droege no Unsplash

Ao contrário do que muitos pensam, o verão de 2020 não está cancelado, aliás, podemos afirmar que a necessidade de sair e frequentar espaços públicos é maior do que nunca. O setor hoteleiro, bem como muitos outros, viu-se totalmente congelado. O turismo parou e com ele pararam as reservas, contribuindo para o que seria a maior crise alguma vez registada deste setor. A sobrevivência dos hotéis ficou, portanto, altamente ameaçada. No entanto, após 4 meses de grande dificuldade, o panorama geral do turismo apresenta um grande otimismo não só no número de reservas que apresenta, mas também na confiança das pessoas nestes destinos em termos de gestão e segurança. Curiosamente, não é possível afirmar que existe uma relação lógica entre o número de casos de cada país e o seu número de reservas, isto porque Espanha apresenta o segundo maior número de casos na Europa e os EUA lideram com o maior número de casos a nível mundial.

No caso de Portugal, o turismo contribui para 8,7% do PIB nacional, número este que tem registado um crescimento sem precedentes ao longo dos últimos anos. Portugal está na moda, e as pessoas sabem disso. A grande alavanca do turismo em Portugal passa, para além da beleza do nosso país, à sua prestação no combate ao coronavírus. Portugal é atualmente um dos países mais preparados e capazes a nível de cuidados de saúde, contando também com infraestruturas totalmente novas.

Porto

Fotografia por William Street no Unsplash

Tendências no turismo de 2020

O turismo hoteleiro apresenta já uma estatística altamente favorável. As reservas voltaram e em força. A preparação dos hotéis para tentar conjugar segurança e máximo prazer de estadia é a primeira prioridade atualmente. No entanto, como vimos anteriormente, existe um mercado maior para o turismo residencial e de saúde. Nem todas as pessoas se sentem confortáveis ao frequentar espaços públicos, o que consequentemente se traduz numa maior procura de destinos com privacidade acrescida. O turismo de saúde, apesar de contar com uma frequência constante, irá certamente registar um maior número de reservas - a crescente qualidade dos serviços de saúde portugueses é também um fator decisivo no sucesso deste tipo de turismo. Desta forma, prevemos que estes tipos de turismo irão ser alvos de grande procura.

Praia da Ora, Albufeira

Fotografia da praia da Ora, por Patrício Miguel para Architecture TOTE SER

Oportunidades emergentes

Acreditamos que agora é a altura para apostar alto no mercado imobiliário, aproveitando-se de mercados em expansão que ainda não estão demasiadamente saturados. Por entre muitos países da Europa, cremos que Portugal é sem dúvida um dos mercados mais seguros e lucrativos de hoje em dia. É importante enaltecer que a atual conjuntura submeteu muitos setores a uma rápida e necessária evolução, contribuindo desta forma para a remodelação das várias infraestruturas, melhoramentos na gestão e também na forma como a informação é processada. Todos estes fatores externos, conjugados com o panorama imobiliário atual proporcionam grandes oportunidades de investimento. Adicionalmente, é possível jogar com esta vaga de turismo que irá tomar conta do país nos próximos meses, aproveitando-se de ativos em localizações estratégicas que irão traduzir-se em grandes retornos.